Redrum

    • Ano de estreia: 2017
    • Eventos: Winter Challenge 2017
    • Conquistas: 2º lugar no WCXIII
    • Arma: Tambor de impacto vertical
O robô REDRUM é o terceiro projeto da Equipe ThundeRatz a competir na categoria de combate Featherweight (13,6kg), sua estreia aconteceu no Winter Challenge XIII, no qual ele já conquistou o segundo lugar na competição. O robô é o segundo da equipe a utilizar um tambor de impacto como arma e foi fruto de muito desenvolvimento e conhecimento adquirido com o projeto anterior da equipe na categoria, o robô Armagedrum.
O sistema da arma foi projetado para possuir um maior momento de inércia e, assim, adquirir maior energia no tambor giratório e provocar maiores danos nos robôs adversários. Os mancais de rolamentos do projeto antigo foram substituídos por mancais de deslizamento para serem mais resistentes aos grandes impactos. O sistema ainda foi inteiramente simulado em softwares de elementos finitos para garantir sua confiabilidade, mesmo em situações extremas.
Para a movimentação desse sistema é utilizado o motor HKIII-4035-560KV da Scorpion, patrocinadora da equipe que garantiu a utilização de um dos modelos mais confiáveis de motores brushless outrunners do mercado. O motor oferece uma rotação de aproximadamente 12000rpm para o sistema, sendo  biapoiado por meio de uma caixa de alumínio aeronáutico que garante confiabilidade do sistema além de ser passível de ser ajustado seu posicionamento para sempre garantir a melhor tensão em suas correias.

A estrutura foi projetada e otimizada para resistir a altos impactos, sejam eles horizontais ou verticais, aplicados em qualquer lugar dela. As peças internas são as principais responsáveis por mantê-la íntegra em cargas frontais e traseiras, enquanto em cargas laterais a geometria das peças externas conseguem distribuir por igual as tensões, para minimizar os danos. A usinagem das peças foi feita nas oficinas e laboratórios do departamento de mecânica e mecatrônica da Escola Politécnica e são utilizados materiais como Alumínio e Aço.

O sistema de locomoção utiliza rodas revestidas de borracha vulcanizadas pelo alto coeficiente de atrito com o chão da arena, baixa adesão de particulado ao longo das lutas e alta resistência mecânica, principalmente quando comparado com rodas comerciais. A placa eletrônica de controle dos motores da locomoção é completamente desenvolvida pela equipe e o circuito impresso fabricado pela Micropress, patrocinadora da equipe.
Apesar de ter participado de apenas uma competição, o robô REDRUM se mostrou muito promissor e deverá competir em alto nível, mantendo a equipe no topo da categoria Featherweight.