Submarino Ultimate Robot Combat 2015

1-URC

Entre os dias 3 e 8 de fevereiro ocorreu a Campus Party, o maior evento de tecnologia do Brasil. Durante esse período, na área aberta ao público, o Submarino promoveu a segunda edição do Ultimate Robot Combat.

A edição desse ano foi três vezes maior que a anterior e contou com 28 robôs inscritos em 3 categorias (Featherweight – 13,6kg; Lightweight – 27,2kg e Middleweight – 55kg). As batalhas foram apresentadas pela dupla Alexandre Ottoni e Deive Pazos (fundadores do site Jovem Nerd) e mais 12 “webcelebridades” que apadrinharam as equipes.

Natalia Kreuser

.

A youtuber Natalia Kreuser foi a madrinha da ThundeRatz e nos acompanhou diante os 12 combates que enfrentamos.

Natalia Kreuser, madrinha da Equipe ThundeRatz durante o URC

.

A Equipe participou das três categorias e conquistou 2 troféus: bronze na categoria Middleweight, com o robô Apolkalipse, e prata na categoria Featherweight, com o robô Armagedrum.

Armas dos robôs Armagedrum e Apolkalipse ao lado dos troféus conquistados no Submarino URC 2015.

Os combates na categoria Featherweight foram feitos com quatro robôs na arena: duas duplas se enfrentando. Nosso Armagedrum juntou forças com o robô Drakon, da Equipe Triton e venceu três lutas seguidas, chegando à decisão de forma invicta.

Na final, após três minutos de luta, a dupla Pegasus (Equipe Troia) e Biribinha Atômica (Equipe Kimauánisso) foi campeã por decisão dos juízes. Apesar da derrota, Armagedrum passou confiança e mostrou-se um robô muito competitivo dentro de sua categoria.

Armagedrum - FeatherweightÀ esquerda: Armagedrum em combate contra o robô Pegasus, da Equipe Troia.
À direita: ThundeRatz recebendo a premiação pelo 2º lugar na categoria Featherweight.

Na Lightweight, finalmente pudemos testar a força e as fraquezas de nosso robô, o K-Torze, que participou de um dos melhores combates da competição contra o Touro Light, da Equipe RioBotz.

Infelizmente, por conta de pequenos problemas mecânicos e elétricos nos outros combates, terminamos na 6ª colocação.

Já o nosso estreante da categoria Middleweight, o robô Apolkalipse, mostrou seu poder de destruição logo na primeira luta contra o multibot Cheech & Chong, da Equipe Uai!rrior. Em menos de 2 minutos o combate tinha sido finalizado com um dos robôs partido ao meio!

Apolkalipse vs. Cheech & ChongÀ esquerda: Apolkalipse, nosso estreante na categoria Middleweight.
À direita: Cheech & Chong, multi-bot da Uai!rrior, após o combate.

O Apolkalipse terminou em 3º lugar na sua primeira competição, dividindo o pódio com dois robôs totalmente consolidados: o Orion (Equipe Triton) e o Touro Classic (Equipe RioBotz). Essa posição na Middleweight não era alcançada pela ThundeRatz desde a 7ª Edição do ENECA, em 2007.

Agradecemos ao Submarino por promover a Guerra de Robôs, ao Igor por nos ceder sua oficina durante a competição e principalmente aos nossos parceiros e patrocinadores por todo apoio dado, possibilitando nossa participação no URC.

Equipe ThundeRatz

Equipe e o anfitrião do Submarino URC – Alexandre Ottoni (Jovem Nerd).

As fotos e os vídeos da nossa cobertura do evento já estão disponíveis no Facebook e no canal do YouTube oficial da ThundeRatz.

Que comecem os trabalhos para a Robogames!